sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Caso Victor Ramos é arquivado pelo STJD; Inter afirma que vai recorrer

STJD decidiu arquivar definitivamente o processo contra o zagueiro do Vitória - Foto: Adilton Venegeroles | Ag. A TARDE

A procuradoria do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) optou pelo arquivamento do processo contra o Vitória, movido pelo Internacional, referente à possível contratação irregular do zagueiro Victor Ramos.
A informação foi passada pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) e confirmada pelo próprio Vitória, que não quis se manifestar sobre a decisão.
Como a opção pelo arquivamento foi feita pela procuradoria, através do procurador Glauber Guadalupe, o Internacional pode recorrer ao tribunal pleno. Mas, para o recurso ser apreciado, deve ser acatado primeiro pelo procurador-geral Felipe Bevilacqua.
Antes da decisão, vazaram e-mails trocados entre o diretor de Registro e Transferência da CBF, Reynaldo Buzzoni, e o Vitória. Neles, a CBF teria indicado ao Rubro-Negro seguir os trâmites de transferências internacionais.
Victor Ramos pertencia ao Monterrey, do México, mas estava emprestado ao Palmeiras. No entanto, a transferência foi feita em caráter nacional, com o aval da CBF.
O Internacional entrou com processo por entender que a contratação de Victor Ramos foi irregular, e pedia que o Leão perdesse três pontos por cada partida em que o zagueiro foi escalado. Com 42 pontos, três a menos que o Vitória, o Inter é o primeiro na zona de rebaixamento da Série A.

Jornal A Tarde

Nenhum comentário: