sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Dupla confessa participação na morte de dois professores em Santaluz, BA

Multidão ocupa a entrada da delegacia após saber da prisão dos suspeitos  (Foto: Notícias de Santaluz)

Uma jovem de 19 anos foi presa, e um adolescente, de 17, apreendido, após confessar participação na morte de dois professores. À época do crime, dois corpos foram encontrados carbonizados no porta-malas de um veículo capotado na BA-120. O caso chocou o município de Santaluz, no nordeste da Bahia. A polícia chegou até os suspeitos após denúncia anônima na quinta-feira (8).
Uma das vítimas foi identificada como o professor Edivaldo Silva de Oliveira, de 32 anos. A polícia acredita que o outro corpo seja do também professor Jeovan Bandeira, que está desaparecido desde junho, mas o resultado do DNA, feito pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT), ainda não ficou pronto até a manhã desta sexta-feira (9).
Ainda de acordo com a polícia, a jovem de 19 anos contou que a ideia do trio era sequestrar os professores após um assalto, e liberar as vítimas no município de Queimadas.
Mas o carro em que eles estavam capotou, então o trio incendiou o veículo com os professores dentro do porta-malas. Ao tomar conhecimento da prisão, uma multidão ocupou a entrada da delegacia para onde os suspeitos haviam sido encaminhados. Por questões de segurança, o delegado João Farias comunicou que os presos precisaram ser transferidos. Ele informou ainda que a prisão preventiva da jovem, e o internamento do menor já foram decretados pela Justiça.

G1 Bahia

Nenhum comentário: