segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Prefeito e vice-prefeito eleitos são presos em Presidente Bernardes, SP

Luccas Inague Rodrigues foi eleito prefeito de Presidente Bernardes (Foto: Reprodução/Tribunal Superior Eleitoral)

A Polícia Civil prendeu na manhã deste sábado (10) o prefeito e o vice-prefeito eleitos de Presidente Bernardes, respectivamente, Luccas Inague Rodrigues (PP) e Reginaldo Luiz Ernesto Cardilo (PP). De acordo com o delegado Airton Roberto Guelfi, ambos são acusados de coação de testemunhas durante o transcorrer de um inquérito instaurado para investigar supostos crimes eleitorais na campanha municipal deste ano.
Guelfi explicou ao G1 que as prisões preventivas do prefeito e do vice-prefeito eleitos foram decretadas pela Justiça Eleitoral após representação feita pela Polícia Civil, que também contou com parecer favorável do Ministério Público.
Ainda segundo o delegado, ambos foram localizados em suas casas na cidade e levados à Delegacia de Presidente Bernardes para posterior remoção à Cadeia de Presidente Venceslau.
O delegado ressaltou que o inquérito policial que investiga supostos crimes eleitorais está em fase de finalização e deverá ser concluído na próxima semana. Na sequência, o conteúdo será disponibilizado à análise do Ministério Público e da Justiça Eleitoral.
A chapa formada por Luccas Inague Rodrigues, que é médico e tem 33 anos, e Reginaldo Luiz Ernesto Cardilo, comerciante, de 49 anos, venceu as eleições municipais deste ano para a Prefeitura de Presidente Bernardes com 3.932 votos, o equivalente a 47,96% dos válidos.

Nenhum comentário: