domingo, 11 de dezembro de 2016

Sem saber de acidente, zagueiro Neto pergunta sobre partida da Chape na final da Sul-Americana

Sem saber de acidente, zagueiro Neto pergunta sobre partida da Chape na final da Sul-Americana

Último dos sobreviventes da tragédia com o voo da chapecoense a ser resgatado, o zagueiro Neto ainda não sabe o que aconteceu na noite do dia 29 de novembro, quando o avião em que estavam caiu na localidade conhecida como Cerro Gordo, próximo a cidade de Medellín, na Colômbia, e deixou 71 mortos. Internado em um hospital colombiano, ele está respirando sem a ajuda de aparelhos e consegue conversar, mas sua situação ainda é considerada grave.
Na noite de sábado, Neto falou com os médicos e perguntou sobre a partida que o time faria contra o Atlético Nacional pela primeira partida da final da Copa Sul-Americana, sem lembrar do acidente e da morte do companheiros. De acordo com o médico da Chape, Carlos Mendonça, existe uma orientação dos psicólogos para evitar contar ao jogador tudo que aconteceu. 

"Tem uma recomendação da psicóloga para não se dizer ainda para evitar um choque emocional que seria prejudicial para a atual recuperação clínica nesse momento. A gente está aguardando até uma opinião mais avalizada, que é a da psicóloga", disse Carlos Mendonça.
Os outros três brasileiros continuam em boa evolução. O jornalista Rafael Henzel e o lateral Alan Ruschel aguardam os últimos exames para definir a logísticas dos seus retornos para a cidade de Chapecó. Já o goleiro Jackson Follmann, que teve a perna amputada, passou por novos exames e recebeu a notícia de que não precisará ampliar a amputação.

Correio

Nenhum comentário: