sábado, 2 de setembro de 2017

Juazeiro: Segundo bebê morre em maternidade em um período de 11 dias

Resultado de imagem para foto  maternidade de Juazeiro

Um recém-nascido morreu na maternidade de Juazeiro, no norte do estado, na quinta-feira (31). O caso foi divulgado nesta sexta-feira (1°) pela Secretaria de Saúde de Juazeiro, e é o segundo registro de morte na mesma maternidade em um período de 11 dias.
O primeiro caso ocorreu com a filha do promotor de vendas Herlon Muzatier. Ele contou que a mulher dele deu entrada no hospital dia 16 de agosto e teve que esperar por um parto normal durante quatro dias, mas o bebê não resistiu. Logo depois desse primeiro bebê morrer, várias mães denunciaram a unidade por maus-tratos e, com isso, o Ministério Público da Bahia (MP-BA) pediu uma inspeção no local.
De acordo com a família do bebê que morreu na última quinta-feira, a mãe da criança, Maria das Dores, deu entrada na maternidade às 6h sentindo muitas contrações. Ela foi avaliada pela equipe médica que constatou que ela não tinha dilatação. Às 16h, a mulher foi levada para a sala de parto, mas disse que já não sentia o bebê se movimentar na barriga. Às 19h, o parto ainda não havia sido feito, mas quando a cesária aconteceu, o bebê já estava morto.
Com as mortes, a Secretaria de Saúde Municipal informou que afastou um profissional por conduta negligente, instaurou sindicância para apurar irregularidades e anunciou medidas para a maternidade, que é a única pública da cidade e atende a 53 municípios da região.

G1 Bahia

Nenhum comentário: