quarta-feira, 23 de maio de 2018

Salvador terá ato de pré-lançamento da candidatura de Lula, afirma Everaldo


A cidade de Salvador terá no próximo dia 27 de maio um ato de lançamento da pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. O evento atende a uma orientação da Executiva Nacional do PT e um pedido do próprio Lula para que, em cada município com representação petista, haja um ato para lançá-lo pré-candidato, no dia 27. De acordo com o presidente estadual do partido, Everaldo Anunciação, a atividade ocorrerá dentro do Congresso Estadual da Juventude do PT, na Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia (Ufba), pela manhã. “O ato é para a gente reafirmar aquilo que estamos vendo em debate interno e ratificar o que as pesquisas estão mostrando. Vamos registrar a candidatura de Lula até 15 de agosto, dentro do que diz a lei eleitoral”, afirmou, em entrevista ao Bahia Notícias. Ainda segundo Everaldo, este é apenas o primeiro ato para colocar oficialmente a pré-candidatura de Lula. “Temos duas etapas. Esse momento para acontecer nos municípios e vamos ter um ato, centralizado nacionalmente, em algum município, um ato maior. Ele deve acontecer ainda no mês de junho”, explicou o petista. Everaldo informou também que o evento no dia 27 não deve contar com a presença do governador Rui Costa, só o que será realizado em junho. Não só Salvador terá ação em torno da pré-candidatura. Há uma atividade confirmada em Guanambi e, segundo Everaldo, outras cidades baianas, ainda não confirmadas, devem ter o mesmo. Ao BN, o dirigente estadual petista também disse que vai sugerir às prefeituras baianas com gestores do PT que realizem “forrós democráticos” no São João como protesto contra a prisão de Lula. “Vamos fazer forrós pela democracia, associar cultura e mobilização política. Como temos prefeituras do PT em cidades com características de São João, vamos sugerir que as cidades possam trazer esse debate. Em alguns espaços alternativos, fazer forrós nessa mesma concepção. Promover espaços alternativos para essas manifestações”, afirmou.  Bahia Noticias

Nenhum comentário: