quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Jornalistas levam tiros ao chegar para trabalhar em rádio de Curitiba

Jornalistas levam tiros ao chegar para trabalhar em rádio de Curitiba

Uma equipe de jornalistas foi recebida a tiros ao chegar para trabalhar na rádio 91 FM, localizada no bairro Pilarzinho, em Curitiba (PR), por volta das 4h30 desta quarta-feira (8). Segundo o G1, além do filho do dono da emissora, Moisés Pires, esperavam a abertura da rádio do lado de fora os jornalistas Ricardo Vieira e Silvia Valim.
O suspeito fez mais de 10 disparos em direção à equipe e fugiu do local. A polícia recolheu 11 projéteis de calibre .40. "Não fazemos ideia da motivação, nem de quem pode ter sido. Pode ser tanta coisa. Optamos por deixar a polícia investigar, pois qualquer coisa que dissermos pode ser só especulação nesse momento", disse a jornalista Silvia Valim.
Em nota, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (SindijorPR) disse que repudia qualquer tipo de agressão ao jornalista e que já solicitou imediata medida de segurança no local, além de apurar junto à polícia um parecer sobre a investigação do caso.

Nenhum comentário: